Uma Análise Crítico-Epistemológica da Administração: Construção, Reconstrução e Desconstrução?

Autores

  • Tomás Sparano Martins
  • Daniela Torres da Rocha
  • June Alisson Westarb Cruz

DOI:

https://doi.org/10.17921/2448-2129.2011v12n2p%25p

Resumo

Este trabalho busca responder se a Administração é uma ciência. Para tanto, fez-se uma argumentação teórica com base em Popper, Kuhn, Lakatos e Fayerabend. Foi realizado um estudo empírico para categorizar e analisar o uso dessas concepções na pesquisa acadêmica brasileira. Foram analisados 196 trabalhos, publicados no período de 2001 a 2006 no Enanpad na área de Teoria Organizacional. Os resultados mostraram que há uma tentativa de construção teórica própria da Administração. Todavia, não se pode dizer que há uma teoria própria do conhecimento administrativo no sentido paradigmático de Kuhn ou do núcleo rígido de Lakatos.

Downloads

Publicado

2015-07-02

Edição

Seção

Artigos