A Obrigatoriedade Constitucional de Elaboração do Plano Diretor à Luz do Princípio da Precaução

Autores

  • Fausy Vieira Salomão

DOI:

https://doi.org/10.17921/2448-2129.2011v12n2p%25p

Resumo

A implementação da Política Urbana no Brasil tem como principal instrumento o Plano Diretor e deve contar, obrigatoriamente, com a participação direta dos cidadãos. O princípio Precaução impõe a adoção de medidas que visem impedir a ocorrência do dano àquelas que buscam repara o que já tenha sido efetivamente lesado. Este artigo busca, por meio de pesquisa jurídico-bibliográfica, demonstrar os obstáculos que têm incidido sobre a efetivação do determinado pelo Princípio da Precaução, haja vista o fato de se conceder constitucionalmente ao Município com menos de vinte mil habitantes a faculdade de ter Plano Diretor.

Downloads

Publicado

2015-07-02

Edição

Seção

Artigos